Refogado faz homenagem ao Bar do Sandi

Refogado faz homenagem ao Bar do Sandi
26 de janeiro de 2018 Sumara Mesquita

Diretoria e foliões promovem “Uma noite no Sandi” para celebrar o bar que deu origem ao maior bloco de carnaval da região

Nesta sexta-feira (26) a diretoria e foliões do Refogado do Sandi fazem uma grande festa em homenagem ao Bar do Sandi, que nos anos 90 deu origem ao bloco de carnaval que é hoje o maior e mais tradicional de Jundiaí e região.

O Bloco foi fundado em 1994 pelo filósofo e publicitário Erazê Martinho. “Erazê amava eu e a Diva de paixão”, lembra Sandra Tosin, que junto com Diva Rigoni, era proprietária do Bar do Sandi. “Ele conhecia todos os bares de Jundiaí mas achou que o nosso bar era o lugar ideal para fundar o bloco”, conta Sandra.

O Bar do Sandi, que leva a inicial dos nomes de Sandra e Diva, ficou famoso por reunir um público diverso, como jornalistas, professores, artistas, advogados e estudantes. Foi essa diversidade e a simpatia das proprietárias que fascinou Erazê e os amigos que o ajudaram a idealizar o bloco.

A diretora Rita Rodrigues, porta estandarte do Bloco, conta que o nome Refogado surgiu por conta do aroma dos temperos que Diva usava na cozinha do Bar. “Na verdade não havia um refogado no cardápio. Foi o tempero delas, inebriando o ambiente, que o levou a pensar num grande refogado”.

O Bar funcionou de 1987 a 2007, na Rua Pirapora, no bairro Vianelo. “Temos muita gratidão a todos que frequentaram nosso Bar e principalmente ao Erazê por nos proporcionar essa honra, gravando nosso nome no maior bloco da cidade”, diz Sandra emocionada.

Para celebrar o Bar, Sandra e Diva vão comandar a cozinha relembrando as famosas porções e petiscos que eram servidos na rua Pirapora. A festa “Uma noite no Sandi” será animada com roda de samba do Grupo Expressão Popular e show com a bateria e passistas da Escola de Samba União da Vila Rio Branco.

Agende-se:

“Uma Noite no Sandi” – 26/2, 20 horas, na Associação dos Aposentados, na rua XV de Novembro, 1336, no centro de Jundiaí, a partir das 20 horas. Os ingressos, a R$ 10,00, serão vendidos diretamente na bilheteria do evento.

“Festa da Corte” – 2/2, no salão da Associação.

“Desfile do Bloco Refogado do Sandi” – Sexta-feira de Carnaval (9/2). Concentração no Gabinete de Leitura Rui Barbosa e saída pontualmente às 16 horas.  Às 20 horas o Bloco desce para a sede central do Clube Grêmio C.P. onde acontece a Apoteose. Os ingressos custam R$ 20,00 e podem ser comprados com antecedência no clube.

 

Carta de Erazê ao Bar do Sandi

“Ao contrário do que conta o Gênesis, no começo era a folga. Era um sábado de cachaça e violão, no Mercadão do Vianelo. E veio alguém e anunciou: “vamos ao Sandi?”.

Uma sorveteria, uma cozinha, umas poucas bebidas, nenhuma cachaça. Era o inferno pra quem vivia procurando o céu na Japy. E veio um anjo e tocou surdo. E veio outro anjo e foi direto: “E para beber? Menos cachaça!

E daí pra frente, durante os Sétimos Dias, ninguém mais descansou.

O Sandi aumentou. As boas amizades aumentaram. A felicidade de conviver aumentou. (Só não aumentou o salário, mas aí já é querer demais!).

Pelo surdo, pela bebida, pelos amigos, amigas, pela felicidade de conviver, por todos os sons e cheiros, um grande beijo. Um fraterno abraço a todos os anjos que fazem a história do Nosso Sandi que estais na Rua Pirapora para todo o sempre. Amém!

Erazê

Natal de 94

0 Comentários

Deixar uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*